quarta-feira, 24 de junho de 2009

"...mas a vida é real e de viés..."




video

Até Parece
(Carlinhos Brown)

Até parece
Que não lembra
Que não sabe
O que passou
Não faz assim!...

Não faz de conta
Que não pensa
Em outra chance
Pra nós dois
Olha pra mim...

Não me torture
Não simule
Não me cure
De você...

Deixa o amanhã dizer!
Deixa o amanhã dizer!...



1º de junho


É horrível quando pensam algo de você e não te deixam explicar...a pessoa pode até não mudar de opinião, mas pelo menos, você tentou, expôs a sua intenção, disse o que queria dizer. Pior é assim, desse jeito que está: o outro deixando a imaginação correr solta, vendo o que nem aconteceu, tendo certeza de sentimentos que nunca existiram, pegando o resultado de todas essas elocubrações malucas e te conceituando novamente. Fernando Pessoa já disse que "o que vemos, não é o que vemos, senão o que somos". Pra bom entendedor, meia citação basta!

Importa a verdade dos fatos?? Não! Afinal de contas, a verdade já foi estabelecida e ponto final. Será interessante o dia em que as pessoas pararem de apontar os erros dos outros e repensarem sobre o que fizeram também...vão ver que, muitas vezes, as brechas para certas coisas acontecerem, foram dadas por elas! Isso justifica o erro do outro?? Não! Mas, divide a culpa. E aí, você passa a ver que ninguém nunca é o culpado sozinho numa relação. A razão vai estar sempre num pedaço da história de um e num pedaço da história do outro. Assim como a culpa. O X da questão vai estar em, assumirmos primeiramente, a nossa parte. Depois daí teremos outros olhos para o erro do outro e será mais fácil resolver essa equação.

Mas, claro, isso só é válido para relações em que o sentimento e a vontade de ficar junto no final, sejam verdadeiros. De outra forma, nem perca seu tempo...continue a fazer o que já vem fazendo: não atenda o celular, não responda os emails.


------------------------------------------------------------------------------------------------

3 de junho




Eu, chorosa.
Ele:
- Posso ver corações saindo dos seus olhos.
Eu:
- São pedaços de um coração. O meu.

-------------------------------------------------------------------------------------------------

10 de junho


Só Vinícius escreve o que eu queria dizer...
Só Bethânia diz como eu queria dizer...


Você e eu/O mais-que-perfeito/Como dizia o poeta

video

O mais-que-perfeito
(Vinícius de Moraes)

Ah quem me dera ir-me
Contigo agora
Para um horizonte firme
(comum,embora...)
Ah,quem me dera ir-me!

Ah,quem me dera amar-te
Sem mais ciúmes
De alguém em algum lugar
Que não presumes...
Ah,quem me dera amar-te!

Ah,quem me dera ver-te
Sempre a meu lado
Sem precisar dizer-te
Jamais: cuidado...
Ah,quem me dera ver-te!

Ah,quem me dera ver-te
Como um lugar
Plantado num chão verde
Para eu morar-te
Morar -te até morrer-te...

-------------------------------------------------------------------------------------------------

12 de junho



Existem 2 motivos para que eu tenha colocado essa música/vídeo no dia de hoje:

1º) Vai ser a música do meu casamento.

2º) Bom, o 2º motivo é, para a maioria, uma charada. Para poucos, uma mensagem subliminar.rs!



video

O que será (À Flor da Pele)
(Chico Buarque)

O que será que me dá
Que me bole por dentro, será que me dá
Que brota à flor da pele, será que me dá
E que me sobe às faces e me faz corar
E que me salta aos olhos a me atraiçoar
E que me aperta o peito e me faz confessar
O que não tem mais jeito de dissimular
E que nem é direito ninguém recusar
E que me faz mendigo, me faz suplicar
O que não tem medida, nem nunca terá
O que não tem remédio, nem nunca terá
O que não tem receita

O que será que será
Que dá dentro da gente e que não devia
Que desacata a gente, que é revelia
Que é feito uma aguardente que não sacia
Que é feito estar doente de uma folia
Que nem dez mandamentos vão conciliar
Nem todos os ungüentos vão aliviar
Nem todos os quebrantos, toda alquimia
Que nem todos os santos, será que será
O que não tem descanso, nem nunca terá
O que não tem cansaço, nem nunca terá
O que não tem limite

O que será que me dá
Que me queima por dentro, será que me dá
Que me perturba o sono, será que me dá
Que todos os tremores me vêm agitar
Que todos os ardores me vêm atiçar
Que todos os suores me vêm encharcar
Que todos os meus nervos estão a rogar
Que todos os meus órgãos estão a clamar
E uma aflição medonha me faz implorar
O que não tem vergonha, nem nunca terá
O que não tem governo, nem nunca terá
O que não tem juízo


--------------------------------------------------------------------------------------------------

13 de junho




Dia de Santo Antônio. O Santo casamenteiro.

Por causa dessa fama, sempre achei que o Dia dos namorados deveria ser 14 de junho. Assim, os solteiros poderiam fazer o pedido ao Santo que, no dia seguinte, já teriam com quem comemorar a data.

Tenho uma amiga com outra teoria. Segundo ela, você faz o pedido no dia 13 do ano corrente para estar com um namorado no dia 12 do ano que virá e, assim, no dia 13 desse ano que virá, agradecer a realização da graça para o Santo.

Eu discordo!! Santo que é Santo opera o milagre da noite para o dia, de uma hora para outra! Esse negócio de fazer o pedido hoje e esperar 1 ano para que realize...dê cá meu boné!!

Desse jeito, é melhor pedir um namorado pela revista da Natura ou Avon...pelo menos, só demora 15 dias!!!


-------------------------------------------------------------------------------------------------

16-17 de junho


2 da manhã e eu continuo acordada...Tem sido assim novamente. Aliás, muitas coisas tem se repetido ultimamente...coisas que jurei não me permitir viver de novo...e NÃO vou viver!!!!!!